sábado, novembro 26, 2011

Denunciante Blog




Cresce pelos guetos de Tapadosovsk a modalidade mais mortal do Jokempo (pedra, papel e tesoura), o Jokempo russo. Essa variação do esporte é obviamente baseada na já famosa "roleta russa", onde os participantes partilham um revólver com uma única bala no tambor, onde cada um dos participantes mira a arma para sua própria cabeça e o mais azarado morre.

No caso do Jokempo russo, os jogadores se degladiam portando os objetos que dão nome ao jogo. Quando alguém coloca pedra e o outro papel, por exemplo, o perdedor é obrigado a engolir papel até sufocar-se e morrer.

A brutalidade desse esporte preocupa as autoridades locais, que sem saber como explicar o sucesso absurdo dessa atividade entre os mafiosos e marginais, culpam o governo federal e a pouca inserção que ele tem nas periferias russas. Fato é que desde a queda da União Soviética, a máfia e os crimes relacionados a ela cresceram vertiginosamente.

O chefe da departamento de homicídios da cidade, Kosarosk Nabundin exclama: "Não sabemos como agir, não podemos caracterizar como homicídio doloso já que as vítimas, de certa forma consentiram o assassinato. Só podemos esperar pela legislação que define como crime o homicídio assistido."A lei russa não prevê casos como esse e está para ser votada no parlamento a emenda que adiciona esse adendo.

Cabe a polícia de Tapadosovsk apenas recolher os númerosos cadáveres enquanto esperam que o governo e o Serviço de Inteligencia Russo atuem para desbaratar a poderosa máfia russa, que controla essa atividade ilegal dentre outras.