Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2006

Fimdeanístico Blog

Pois é! Chegou a última semana do ano de 2006 que, se não foi maravilhoso, também não foi uma merda. E, como todo ano, vem a Retrospectiva para nos mostrar notícias que já conhecemos e que nem queríamos lembrar.

Vamos então a alguns fatos "marcantes" de 2006:

1 de Janeiro - A moeda do Azerbaijão passa designar-se Novo manat (AZN). (UAU!!!!)

1 de Janeiro - A Espanha proíbe o fumo em lugares públicos. (UAU!!!)

31 de Janeiro - Neva em Lisboa pela primeira vez em sessenta anos. (Ok, a cidade é linda. E deve ter ficado melhor ainda com neve)

13 de Fevereiro - Irrompe a pior crise financeira da PUC-SP em seus 60 anos de existência, forçando uma das maiores demissões em massa de docentes universitários da história do Brasil. (Dúvida: Quanto é a mensalidade por lá?)

29 de março - Às 23 horas e 29 minutos, no horário de Brasília, Marcos Pontes torna-se o primeiro brasileiro a ir para o espaço, onde permanece por oito dias na Estação Espacial Internacional. (Enviado especial da Globo ao esp…

Intolerante blog...

Acredito que todo ser humano seja igual, independente de etnia, sexo, nacionalidade, religião, orientação sexual, nível cultural ou qualquer outro diferencial. Mas juro que sempre penso em rever meus conceitos quando passo perto de um grupo de góticos usando sobretudo num calor de 40º.

Roqueiro Blog...

Não, este texto não é de minha autoria. Aliás, gostaria de saber quem é o autor.


Árvore Genealógica do Metal e do Rock


Vovô e Vovó Blues Um casal velhinho, de pele escura, tendo os dois uma voz bem grave. Muito simpáticos e sorridentes, adoram dançar, ou "balançar o esqueleto", como preferem dizer. Já tiveram suas brigas com a Dona Música Clássica, e sempre foram amigos do senhor Jazz (especialmente a Sra. Blues), um outro velhinho, ex-acrobata de um circo local. Tiveram quatro filhos: Rockabilly, Rock Pop, Rock Progressivo e Hard Rock.

Rockabilly: O irmão mais velho. Outro que é apaixonado por dançar. Antigamente, andou muito com o segundo mais velho, o Rock Pop. Adora topetes, calças boca-de-sino, óculos escuros coloridos, brilhantina e coisas bregas em geral. Fez muito sucesso com a mulherada na juventude, mas agora é um velho gordo.

Rock Pop: Adora andar na moda, mas não tem uma opinião fixa. Já andou com todos os outros irmãos, menos com o Progressivo. Sabe-se que ele ganha…
Cinéfilo blog...

Neste feriadão fui com Vanessa, a amada, assistir ao filme "O Grito 2". Bem, pesoalmente gostei, mas imagino que quem não fale porra nenhuma de japonês e quem não saca porra nenhuma de folclore japonês vá achar o filme uma grande bosta. Motivo? Tradução porca dos diálogos em japonês (que são muito mais explicativos, além do fato de traduzir warui ki como "espíritos ruins", quando deveria ser "intenções ruins") e o fato do folclore japonês fazer pouco sentido para a grande maioria dos ocidentais. Definitivamente o primeiro filme foi bem melhor, mas com certeza o original japonês (Ju-on) foi bem melhor, simplesmente pelo fato de nao haver o tal choque cultural. É simples, o enredo do original se encaixa perfeitamente com a realidade e o folclore japonês, sem maiores explicações filosóficas ou culturais.
Aliás, essas adaptações feitas pelo cinema Yankee são meia-boca ao extremo! "The ring (O chamado)", "The grudge (O grito)&quo…

Prestes-a-ser-chamado-de-machista Blog

Teoria elaborada com um grupo de amigos utilizando pesquisa em campo, entrevistas com representantes de ambos os sexos e os mais modernos conceitos da Psicologia Evolutiva:

"Homens procuram mulheres. Mulheres procuram machos"

Explicação:
Imagine aquela mulher super-hiper-ultra-gostosa passando pela rua, só que com aquele baita jeito de vagabunda... A reacao de dois homens seria: - "Cara, essa mulher é muito gostosa..." - "Podes crer... Olha só que bundao..." E é claro, emendariam com uma frase do tipo: "Mas cá entre nós, essa aí é para usar duas camisinhas...", "Nao dá para apresentar para a mamãe não", "O cara que pegar tá pedindo para ser corno", etc... E é óbvio, vão se esquecer dela.
Agora a situacao inversa:
O cara altamente boa-pinta, mas que é um playbabaca anabolizado com o carrão do pai, bonezinho para proteger do sol às 8 horas da noite, maconha no porta-luvas, CD de funk tocando no som que vale mais que o próprio automó…

Kaidan, final.

Nove anos se passaram, Carlos se tornou um bem sucedido empresário do ramo da informática.. Ele havia recebido de um amigo em Tokyo a noticia que Sayaka havia se matado na clinica aos 14 anos, tomando uma dose enorme de tranqüilizantes que roubara da enfermaria. Carlos tentou esquecer isso também, e continuou na sua rotina diária, como um cidadão acima de qualquer suspeita. Ele havia se casado, mas em 2 anos o casamento chegou ao fim, pelo fato da esposa querer engravidar e ele ter horror a essa possibilidade. Então ele passou a freqüentar a noite paulistana mais do que nunca, sempre em busca de alguma mulher que pudesse satisfazer seus impulsos naturais, sem compromisso. Todavia, ele não levva o menor jeito com as mulheres, e sempre acabava em algum bordel Até que uma noite, quando foi a uma danceteria nos arredores da Vila Mariana, ele conheceu uma linda nissei, sensual e provocante, e que não parava de olhar para ele...eles conversaram e Carlos a convidou para saírem dali e ela ace…

Kaidan/Escada

Kaidan
Carlos era um rapaz desempregado que teve uma oportunidade única em sua vida: morar em Tokyo. Ele rapidamente organizou sua vida e logo estava lá. Era uma ótima chance para um jovem de vinte anos. Arrumou um emprego em uma fábrica de doces, fez inúmeras amizades, ingressou na faculdade e freqüentava um templo Shinto onde foi muito bem recebido e era muito bem visto. Todos o tinham como um rapaz honesto, esforçado e de bom caráter. Por ter essas qualidades, uma amiga que ele conhecera no templo pediu que durante alguns dias por algumas horas da tarde ele fosse a casa dela cuidar de suas filhas pois ela não conseguia achar uma babá de confiança. Ele, sempre prestativo, aceitou.
Sua amiga Midori tinha duas filhas: Sayaka de 9 anos e Tomomi de apenas 3.
Carlos nunca imaginara que seria tão difícil controlar aquelas crianças, e mesmo a mais nova era difícil de cuidar. Elas davam muito trabalho a Carlos e, no terceiro dia ele já estava nervoso e estressado. Na tarde de quinta feira enqu…

Faixa-preta blog

Dia desses estava lendo uma revista de artes marciais uma entrevista com aquele trio enganação chamado KLB. Não me perguntem a razão dos editores da revista terem entrevistado esses pseudo-músicos senão o fato do pai deles ser um dos maiores empresários do país, mas o fato é que eles estão na capa da revista, que não é lá essas coisas, mas é uma das poucas sobre artes marciais no Brasil. Bem, de qualquer forma, lá estava aquela consoante (Não sei se era o K, o L ou o B, mas era o grandão vesgo com cara de doente mental) falando que está perto de conseguir sua tão sonhada faixa preta em taekwondo. Não sei se ele é bom ou ruim, mas creio que, se ele está pra conseguir sua faixa preta, com certeza ele dá pro gasto, mas o que me chamou a atenção foi o fato dele dizer que espera por esse dia há muito tempo. Isso sim me pareceu atitude de inciante, pelo menos ao meu ver. Eu também tinha pressa de conseguir a faixa preta, mas isso nos primeiros 6 meses de treino de karate. Depois disso, perc…

Cinematográfico blog

Cinematográfico blog...

Ontem fui ao cinema com Vanessa, a amada, para a estréia de "A pantera cor-de-rosa". Hilário, porém um pouco abaixo dos estrelados por Peter Sellers. Não, a culpa não é de Steve Martin, aliás, ótimo como o inspetor Closeau, e mais por culpa do roteiro, muito aquém da série clássica.
Martin manteve bem o papel de Closeau, mantendo o sotaque utilizado por Sellers mas sem que sua interpretação fosse uma imitação. Não havia o Kato e, por consequência, não haviam as hilárias cenas de luta no apartamento do inspetor. Porém, haviam Jean Reno, ótimo, no papel de Ponton, "assistente" de Closeau e Kevin Kline, perfeito, como o inspetor-chefe Dreyfuss.
Salvaram-se os personagens, que mereciam um roteiro digno deles. Mas devo dizer que a cena do globo terrestre, que foi uma homenagem ao filme original, a cena da aula de sotaque americano, a cena do Viagra e a cena onde Closeau e Ponton tem que "provar" que são dançarinos da cantora Xania ( a ta…

Confuso Blog...

Confuso Blog...

Dia desses eu estava andando aqui por Vigário Geral, quando um carro passou pela rua com o som ligado no máximo. Obviamente era funk tocando.
Num outro dia, passou na televisão uma reportagem sobre uma praia nudista. A maioria esmagadora dos freqüentadores tinha o corpo bem caído.
Observando esses 2 fenômenos da natureza humana, comecei a realizar complicados estudos sobre Antropologia, Sociologia, Biomedicina, Psicologia, Arquivologia e Ciências Atuariais... e descobri que, o ser humano adora mostrar o que não é bonito ( palmas!!!)
Podem notar.... o que é o programa do Ratinho? Só mostra desgraça e gente feia.
O que dá mais audiência nos noticiários? Desgraça.
Qual o tipo de música que as pessoas colocam pra tocar no carro no maior volume? Funk ou pagode.
Que tipo de gente freqüenta praia de nudismo? Ou é velho ou é gordo.
Não tenho nada contra velhos, gordos ou coisas afim... mas me intriga o fato de pessoas saradas, que malham exatamente pra terum corpo bonito e dese…

Intolerante Blog...

Acredito que todo ser humano seja igual, independente de etnia, sexo, nacionalidade, religião, orientação sexual, nível cultural ou qualquer outro diferencial.
Mas juro que sempre penso em rever meus conceitos quando pego o metrô cheio de bêbados vindo de algum show com entrada franca no Aterro do Flamengo