Pular para o conteúdo principal

Fimdeanístico Blog

Pois é! Chegou a última semana do ano de 2006 que, se não foi maravilhoso, também não foi uma merda. E, como todo ano, vem a Retrospectiva para nos mostrar notícias que já conhecemos e que nem queríamos lembrar.

Vamos então a alguns fatos "marcantes" de 2006:

1 de Janeiro - A moeda do Azerbaijão passa designar-se Novo manat (AZN). (UAU!!!!)

1 de Janeiro - A Espanha proíbe o fumo em lugares públicos. (UAU!!!)

31 de Janeiro - Neva em Lisboa pela primeira vez em sessenta anos. (Ok, a cidade é linda. E deve ter ficado melhor ainda com neve)

13 de Fevereiro - Irrompe a pior crise financeira da PUC-SP em seus 60 anos de existência, forçando uma das maiores demissões em massa de docentes universitários da história do Brasil. (Dúvida: Quanto é a mensalidade por lá?)

29 de março - Às 23 horas e 29 minutos, no horário de Brasília, Marcos Pontes torna-se o primeiro brasileiro a ir para o espaço, onde permanece por oito dias na Estação Espacial Internacional. (Enviado especial da Globo ao espaço)

12 de Abril - Descobertos fósseis no deserto de Afar, na Etiópia, da mais primitiva espécie de Australopithecus, conhecida como Australopithecus anamensis, e datam cerca de 4,1 milhões de anos. (Ei, eu gosto de Arqueologia!)

26 de Abril - Dalai Lama, líder religioso budista, faz visita ao Brasil. (E o molusco que temos como presidente nem o recebeu)

1 de Maio - No Dia Mundial do Trabalho, imigrantes latinos param os Estados Unidos da América, num movimento chamado "Um dia sem imigrantes", mostrando sua importância para a economia do País. (Aliás, tem um filme com esse nome, que me parece ser ótimo)

1 de Maio - O presidente boliviano Evo Morales decreta a nacionalização dos hidrocarbonetos (gás natural) e petróleo, tropas do exército boliviano ocupam uma das instalações da Petrobrás. (E o molusco, tal qual Maria Schneider, deixou o cara passar manteiga no traseiro e mandar ver)

9 de Junho - Começa a XVIII Campeonato do Mundo de Futebol na Alemanha. (E o resultado estamos carecas de saber)

24 de agosto - Plutão deixa de ser reconhecido como um planeta pela União Astronômica Internacional, reduzindo o sistema solar para oito planetas. (Bastou um brasileiro ir ao espaço pra que sumisse um planeta)

1 de Setembro: A cidade de Fortaleza passou a ser agora a quarta maior capital do Brasil, superando Belo Horizonte. (E o Kiko?)

29 de Outubro - Luís Inácio Lula da Silva é reeleito presidente do Brasil (Parafraseando o Águia de Haia "Cada povo tem o governo que merece")

1 de Novembro - Colapso no sistema aéreo brasileiro provoca atrasos nos aeroportos do país inteiro (Continua provocando, inclusive)

5 de novembro - Saddam Hussein é sentenciado à morte por enforcamento, juntamente com seu meio-irmão Barzan Ibrahim e o ex-chefe da corte revolucionária Awad Hamed al-Bandar (Na minha opinião, um tiro no pé)

24 de novembro - Morre o último exemplar da espécie dos pandas marrons. (Heim?? )

26 de Dezembro - Brasil participará de supersatélite europeu de busca de planetas em 2015. (Pra quê?????)


E, como sempre a Retrospectiva nos brindará com uma seção de pessoas que passaram desta para outra melhor em 2006. Pessoas como Carequinha, Jece Valadão, Lou Rawls, Nelson Dantas, Telê Santana, Rodrigo Netto, Bussunda, Syd Barrett, Raul Cortez, Gianfrancesco Guarnieri, Steve Irwin, Jack Palance, Joseph Barbera e James Brown farão falta.
Porém Alfredo Stroessner, Caixa DAgua e Pinochet já foram tarde.
Mas, o que não entendo mesmo é como conseguiram encaixar a tal filha do Pelé e um ex-BBB nessa lista.


Ah, mas quem se importa? Todo mundo acaba asistindo mesmo, não é?

Então, fico por aqui e desejo boas entradas (sem duplo sentido, por favor) para todos.

E um feliz 2007!

Comentários

  1. A pior noticia, de longe, é a da reeleição do - usando suas palavras - molusco do Lula!
    Mas fazer o que se a maioria gosta de dar poder aos analfabetos!¬¬
    Ah, feliz ano novo!

    ResponderExcluir
  2. Fala Warui!
    Então, nos momentos marcantes de 2006 nao esqueca nosso governador de SP no meio do tiroteio falando que tava tudo em ordem, tudo calmo, tudo sob controle...só se for controle dos bandidos...

    ResponderExcluir
  3. e que venha 2007, e a utopia de que corrupçao, caos aéreos, violencia gratuita fiquem em 2006

    ResponderExcluir
  4. Hahaha. Só fatos relevantes mesmo. Também fiquei chocada com um ex-BBB morrer. Sei lá, eles são meio deuses. Pobre panda marrom. Pobre Plutão..

    ResponderExcluir
  5. Anônimo1:22 PM

    Hello. Alone on Valentine's Day? Adult Chat & Love Try to find partner in your area!
    for fun

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Os 47 ronin, parte 2: A hora da vingança.

Como dito no post anterior,  o daimyo Asano Naganori se viu obrigado a realizar o seppuku por ter ferido um superior no palácio do Shogun.
Tal notícia foi levada para Oishi Kuranosuke Yoshio, conselheiro de Asano, que assumiu o comando e levou a família Asano para longe, antes de cumprir as ordens do Shogunato e entregar o palácio e o feudo para agentes governamentais.
Dos mais de 300 homens de  Asano, 45, junto com o líder Oishi, recusaram-se a permitir que o seu senhor não fosse vingado, embora o Shogunato houvesse proibido a vingança nesse caso. Sim, haviam casos em que a vingança era tolerada.
Eles se uniram, fazendo um juramento secreto para vingar seu mestre matando o vacilão do Kira, mesmo sabendo que seriam punidos severamente por isso.
Só que o Kira tava bem guardado, e sua residência tinha sido fortificada e a segurança reforçada pois todo mundo sabia que os samurai eram meio doidos. Os ronin perceberam que teriam que esperar a poeira baixar antes que pudessem ter uma peque…

Kitânico Blog 2, a Missão.

監督·ばんざい (Kantoku. Banzai!) ou "Glória ao cineasta!" é um filme autobiográfico de Kitano. É o segundo da trilogia autobiográfica, iniciada com Takeshis e terminada com Aquiles e a Tartaruga. Neste ele usa uma forma meio "Monty Python's The Meaning of Life", com várias esquetes meio com uma certa ligação entre si para contar criativamente sobre como um hiato criativo o está atacando. 
 É um filme bem difícil de descrever, é meio como se Ed Wood e Stanley Kubrick se juntassem numa só pessoa e fizesse um filme. E atuasse. E usasse um boneco de fibra como dublê. A forma como ele narra usa recursos propositalmente toscos de computação gráfica, pessoas agindo como se estivessem em anime e hilárias autocríticas a seu estilo e sua fixação por violência e Yakuza. 
Resumindo: Takeshi Kitano, interpretado por Beat Takeshi (Sim, são personalidades distintas) busca desesperadamente um novo gênero que trará o público de volta aos cinemas, visto que seus filmes nunca foram suces…

Kitânico Blog 3, o Desafio Final.

Nessa minha última ida ao festival de Takeshi Kitano na Caixa cultural eu revi "Zatoichi" de 2003. Adoro esse filme, tenho o DVD e sou fã do personagem.
 Zatoichi é um dos personagens de ficção mais conhecidos na literatura do Japão e TV. O personagem foi criado pelo escritor Kan Shimozawa e depois foi adaptado para a TV pelo Daiei Studios e originalmente interpretado por Shintaro Katsu.
 Zatoichi aparece como um anma san (massagista) cego que vagueia ganhando a vida realizando suas massagens, acupuntura e jogando dados. No entento, ele é um excelente espadachim do estilo Muraku-Ryu de kenjutsu e iai e também mostra habilidades em Sumo, taijutsu e kyujutsu.
 Ele não carrega uma katana comum, e sim uma shikomizue (espada disfarçada de bengala). Ou seja, ele passa a imagem de um massagista cego completamente indefeso. Isso, pra mim, é genial.
Então, Kitano sempre foi um fã de Chanbara (o nome original dos filmes de samurai) e nada melhor que esse personagem icônico pra fazer …