Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2012

Natalino Blog

Então, é Natal. Época de paz, confraternização, respeito, religiosidade, harmonia, solidariedade e muitas outras palavras bonitas. Resumindo, é epóca de hipocrisia.
Não, eu não sou contra o Natal e não, não sou contra as pessoas serem pacíficas, fraternais, respeitosas, religiosas, harmônicas, solidárias e outros adjetivos bonitos. Mas seria interessante se fossem assim o ano todo.
Mas o meu problema com Natal é outro. Meu problema com o Natal se resume simplesmente à atmosfera natalina. Minha dúvida é: Todo maldito lugar tem que ficar tocando música natalina????
Porra, eu juro que não aguento mais musiquinha de harpa, "Jingle bells" em ritmo de gospel music, Simone cantando música natalina, malditos brinquedinhos chineses tocando a mesma música em todos os camelôs... além da decoração. Juro que não aguento ver mais pinheiros, sininhos e guirlandas. Aliás, pra quem é alto esse problema fica ainda pior, pois toda hora damos uma cabeçada em alguma guirlanda. Aliás, uma dúvida que…

Religioso Blog

O Peitismo prega que todos os seres humanos nascem já com uma necessidade básica: Mamar. Por isso somos mamíferos, pois fomos criados pelos Santos Seios para louvá-los e adorá-los. Os Santos seios criaram tudo e todos. Basta ver que moramos na Via Láctea, que pingou dos Santos Seios. No Princípio tudo era liso, e os Santos Seios surgiram e criaram tudo que era palpável. Porém, ainda estávamos na Escuridão, e os Santos Seios nos iluminaram com seus Santos Faróis Acesos. Cremos que todos, sem exceção, nascem crendo nos Santos Seios, mesmo os gays, pois também sentem a necessidade de adorá-los quando bebês, mas com o tempo alguns homens e mulheres deixam de admirá-los, desviando-se da Razão. Nossa religião é a religião que a todos abrange, por isso é a religião original do ser humano e mamíferos em geral. Veja o exemplo de Roma: O que diz a lenda? Que foi fundada por Rômulo, e Rômulo havia sido amamentado por uma loba. Olha aí a influência Peitista! Maçonaria perde lindamente para nós. …

Nipônico Blog

Hoje, no Japão (Ou em qualquer lugar que tenha uma colônia japonesa), se comemora o Tanabata. Vem de uma lenda que diz que há muito tempo, morava próximo da Via Láctea (ó o Peitismo presente) uma princesa chamada Orihime a "Princesa Tecelã". Pq raios uma princesa era tecelã, não se sabe, vai ver era hobby.

Certo dia o pai dela, o  "Senhor Celestial", fez uma festa reunindo a galera pra ver se achava um marido pra mina, onde apareceram príncipes, nobres, samurais, gente com grana em geral mas a mina acabou se apaixonando por, Kengyu o "Pastor do Gado". O pai da mina viu que ele era um cabra trabalhador e honesto e,acreditando que este fosse o par ideal para ela, deixou que se casassem.

Os dois se apaixonaram pra valer. A partir de então, a vida de ambos girava apenas em torno do belo romance, ou seja, vuco-vuco direto, deixando de lado suas tarefas e obrigações diárias. Tipo, o gado tava deixando de ser tratado e a galera ficando peladona pq a princesa n…

"Cheio de Ki" blog

Você tem dificuldade em entender como funciona um moinho de vento? Ou como água vira vapor? Ou porque algo queima quando fica muito quente? Você pode até não saber aquelas fórmulas e cálculos da aula de física, mas sabe mais ou menos como o trem funciona e o que há de comum neles todos, não? Pois é, energia. Então, por que raios mistificar a palavra japonesa “Ki”? Pois é basicamente o que ela significa. Nós ocidentais costumamos ter certa dificuldade pra entender termos japoneses (orientais em geral na verdade) e, a maneira japonesa de se expressar acaba dificultando o nosso entendimento também. No caso do “Ki”, levamos o troço pra um nível esotérico, místico e imaginamos ser uma energia interna que nos faz soltar Hadoukens, ou algo como a Força em “Star Wars”. Nos parece um termo que só é utilizado por algum coroa igual ao Pai Mei, isolado em alguma montanha no lugar mais isolado, mas na verdade é um termo bem comum. Por exemplo: 磁気 (JIKI) , nos remete ao magnetismo. 電気 (Denki),…

Desavergonhado blog

Por que é socialmente aceitável ser visto com roupa de banho, mas não com roupa de baixo?
Por que é aceitável que índios apareçam nus na TV, mas não um branco, um negro ou asiático?
Se alguns religiosos dizem que o homem foi feito à imagem e semelhança de um deus, por que esses mesmo religiosos são contra a nudez, sendo contra a imagem deste mesmo deus?

De onde surgiu o tal “tabu da nudez”? Em que momento o ser humano começou a ter vergonha de si mesmo e passou a utilizar as roupas para algo além de se proteger do frio, do sol, de picaduras de insetos e similares? Sim, as roupas também tinham, e tem, o poder de ser um belo ornamento. Mas o que isso tem a ver com a dita “moral”? Não devia ser tabu, visto que todos nós nascemos nus,as mulheres com umas características e os homens com outras. Se fomos feitos assim, por que tornar uma coisa que pode ser tão bonita num tabu ? Apreciar o corpo humano nu é aceitável na arte, mas visto como algo sujo por algumas pessoas caso seja em uma revista d…

Auto-plagiador marcial blog

Chega um momento na vida em que resolvemos fazer uma atividade física, seja por lazer, terapia ou mesmo pra perder uns litros de banha, e começa então a difícil tarefa de escolher a atividade. Pode ser algo para o qual as circunstâncias nos levam, como a Fran e a corrida, pode ser algo que você realmente goste, como minha esposa e a dança, ou pode ser por mera curiosidade, como eu e as artes marciais.
Quando resolvi treinar eu não imaginava a quantidade de estilos disponíveis por aí. Judô, jiu jitsu, karate, kung fu, boxe, taekwondo, aikido... As possibilidades são infinitas. Primeiro passo: Escolher a arte marcial que você quer praticar. Não é tão simples assim, ainda mais se você não conhece nada. Sugiro assistir algumas aulas de várias modalidades e escolher uma com a qual você simpatize. O “clima” da academia é MUITO importante.
Depois que escolhi o Karate, precisei comprar o uniforme de treinamento, o popular kimono (que na verdade não é o nome correto, mas em qualquer loja só vão …

Dionísico Blog

Hoje estava por Jacarepaguá pois minha esposa foi fazer uma prova e, como eu ficaria com MUITO tempo livre, resolvi ir em uma adega que era frequentada pelo meu bisavô materno, avô materno e avô paterno. Eu ia muito lá com meu avô e meu pai, e adorava aquele clima dionísico: Sotaque português constante, cheiro de vinho, barris e mais barris empilhados e sempre música típica portuguesa. Toda vez que eu ia lá meu pai ou meu avô me davam uma provinha do vinho que iam comprar, e não, nem por isso me tornei um alcoólatra. Sim, houve um tempo em que era comum se fazer isso. E a criança crescia acostumada com isso e ao chegar em uma idade em que poderia comprar bebida sozinho, não enchia a cara. Enfim, isso é coisa pra outro texto.
Chegando lá,a encontro deserta, triste, sem música nem ninguém. Uma sombra do que já foi um dia. Fui ao "anexo", um lugar grandioso que tenta parecer um castelo, construído pelos donos da tal adega. Enorme, impessoal, frio e sem vida, que realmente tem u…

Dotô Blog

Há 4 anos virei funcionário público. Como toda boa estatal, lá existem os chamados “Cargos Comissionados”, que não são exatamente uma promoção, e sim um cargo de chefia que a pessoa ocupa, até segunda ordem. A pessoa é, oficialmente, escolhida por ter a capacidade técnica e a prática necessária pra ocupar tal cargo.

Na prática, basta você ter um bom networking pra conseguir um desses cargos, e não precisa nem fazer concurso pra isso. Claro que isso não é com todos, vejam bem, alguns realmente ocupam tal cargo por ter capacidade para isso, mas são raros. Mas existe um fenômeno interessante para quem ocupa tais cargos: O Doutorado Temporário . Pois é, lembro de que dia desses a atual Drª Phulana era simplesmente a Phulana do Almoxarifado. Mas bastou pegar o cargo que o sufixo “DOUTORA” passou a fazer parte do seu nome. Sem sequer ter feito algo além do Ensino Médio, quem dirá Doutorado!

E esse mal aflige outras profissões! Vão me dizer que faz sentido advogados serem tratados como DOUTOR”?…

Religioso Blog

Está tomando força aqui no Rio um movimento contra a intolerância religiosa, visto que casos de ignorantes que depredam imagens sacras tanto de igrejas católicas quanto de centros espíritas está aumentando de forma preocupante. Em sua grande maioria são evangélicos que não entendem nada da própria religião que costumam chutar imagens de santos na tv, que dizem que Orixás são manifestações do demônio, que são mais judeus que os judeus (sabe-se lá pq um povo agora cisma de querer falar termos em hebraico) e por aí vai. Não que católicos, espíritas e afins não façam isso, mas pelo menos não veiculam programas em rede nacional fazendo essas burradas. Voltando ao assunto, criou-se um Disque (odeio essa palavra, um dia explico pq) Denúncia contra a intolerância religiosa, e vereadores cariocas estudam medidas para diminuir essa estupidez.
Tudo isso é louvável, mas vieram cá em minha mente ociosa algumas situações que podem ser um tiro no pé desse movimento

1ª situação: Ateus.

A pessoa te…

Olhos de lobo

Meus olhos dourados de lobo podem ver
Tudo que você esconde de mim
Nenhum segredo está a salvo.
Por direito eu declaro
Quando a vejo como minha presa
Lhe asseguro que não existe maneira de escapar de mim.
Morte é seu destino.
Nunca me desafie, a não ser que queira morrer
Uma precoce, e muito dolorosa morte;
Jamais confie no suave suspiro do vento
Pois é com ele que seu odor me é legado.
Quando ouvir o uivo do lobo, então é hora de se esconder.
Pois mesmo que consiga ocultar o medo
Meus olhos dourados de lobo podem ver seu coração.


Lendário Blog

Era uma vez um pequeno país formado por cidades independentes chamado Grécia. Todos viviam felizes com suas togas coloridas, vinho, orgias, escravos e tudo de bom que a vida pode oferecer. Daí, em certa ocasião lá pros idos de 492 antes de Gzuis, um persa chamado Dario I, pai de Xerxes I (é, esse mesmo que você está pensando), decidiu invadir este país e tocar o zaralho pra depois ter livre acesso pra Europa.
 Bom, na verdade todo lugar que ele invadia ele acabava fazendo com que se desenvolvesse mais ainda, mas isso é mero detalhe, o que interessa é que ele ia acabar com as orgias, e isso era inaceitável. Enfim, Dario chegou conquistando logo de cara a Trácia e tornando a Macedônia um tipo de capacho comercial deles e, no ano seguinte, mandou embaixadores para todas as cidades gregas exigindo submissão completa. Todas aceitaram, exceto Atenas e This is Spaaartaaaaaaa!, que executaram os tais embaixadores persas. Dario ficou puto! Começou uma mega operação pra invadir a porra toda. Qu…

Jogo do copo

Quatro jovens resolveram fazer uma brincadeira um pouco fora do comum para sua idade. Um deles leu em uma revista de esoterismo como fazer o jogo do copo.
. Resolveram comprar um copo e começar a sessão. Esperaram seus pais saírem de casa para acenderem as velas na sala, colocar os papés com as letras, os números e as respostas SIM e NÃO e iniciar os trabalhos. Algumas rezas, piadas e movimentos dos garotos no copo, um deles resolve fazer as perguntas sérias:

- Tem alguém ai?

E o copo se movimenta para o sim

- Qual é o seu nome?

E o copo vai para a palavra não.

- Você é homem ou mulher?

O copo treme repentinas vezes e para. Os jovens começam a gostar da brincadeira:

- Você era careca?

Todos caem na gargalhada e o copo não sai do lugar.

- Como você morreu?

O copo volta a tremer mas não sai do lugar. Os rapazes insistem e a pergunta foi repetida três vezes, até que o jovem que perguntava pede uma prova da existência de um espírito na sala:

- Se há alguém nessa sala, dê um sinal.




Nesse …

Elefantino Blog

Hoje terminei de ler "A viagem do elefante", de José Saramago. Creio não ser necessário ressaltar o quanto adoro a obra deste lusitano escritor mas, assim mesmo, direi de qualquer forma: Adoro. Simples assim. Desde o primeiro livro que li,  “A Caverna”. que narra a história de um oleiro misturada ao Mito da Caverna, de Platão.
Desde então virei um fã do velhinho. Parti para ler “As intermitências da Morte”, que narra o que acontece quando a Morte decide parar de matar. Sim, cansada de ser mal vista, incompreendida, ela decide que ninguém mais, num certo país, irá morrer. Imaginem os problema que isso não causou? Outro que adorei, “Cegueira”, dispensa comentários. Quem ainda não viu o belo filme de Fernando Meirelles?
Outro que merece destaque, para mim, é "A jangada de pedra", uma história em que a Península Ibérica simplesmente se desprende do resto da Europa e passa a navegar pelo Atlântico.
Mas, de longe, meu livro favorito do velhinho é “O Evangelho seg…

Junk Foodístico Blog

Quando você vai em um praça de alimentação de algum shopping center, as opções não são muitas, não é? As opções normalmente são: Junk-food, comida à quilo, pizza, sushi fajuto, salgados e pastel. Na maioria das vezes, optamos por junk-food, por ser mais rápido e, na sua maioria, mais barato. Aí, as opções que sobram são poucas mesmo! Abaixo a minha lista pessoal de opções:

- Habib's
Esse eu abomino! Além do pedido demorar, quase sempre vem errado.

- KFC
Adoro o sabor, mas o atendimento ficou lerdo e os sandubas diminuiram,  infelizmente só tem em poucos lugares.

-Burger King
Ótimo sabor, tamanho razoável dos sandubas, mas aqui no RJ não rola o Free Refil, o que acho uma sacanagem. O preço elevado era justificado pelo refil, oras.

- Zack’s
ADORO. Mas é muito caro pra comer sempre. :P


- Mc Donald's
Rápido, ótima batata frita, mas todos os sanduíches tem o mesmo gosto.

- Bob's
Leeeeeeerdo. A batata frita é uma grande porcaria. Mas te permite adicionar mais queijo, mais carn…

Mitológico Blog

Algum de vocês já presenciou algo que só se lê em livros sobre Mitologia Greco-Romana?
Eu já.
Na verdade, quase todo sábado eu vivo a mesma cena mitológica.
Já ouviram falar do Hades? De Caronte? Do Rio Estiges?
Hades é o nome do deus grego que comanda os INFERNOS, na verdade o lugar também é chamado de Érebo ou Hades mesmo. Os INFERNOS não são como o Inferno judaico-cristão, são apenas as profundezas da Terra, onde existe um tribunal presidido pelo próprio Hades e com 3 juízes: Minos, Éaco e Radamanto, 3 figuras taciturnas que sem hesitação castigam ou recompensam as almas. As almas, após julgadas, ou iam para o Tártaro ( que seria nosso inferno) ou para os Campos Elísios ( que seria nosso céu).
Para chegar neste tribunal a alma percorre um longo caminho. Ao saírem de seus corpos mortos, as almas se dirigiam até as profundezas e, lá chegando, devem ir até a margem do Rio Estiges e entregar um óbolo ( uma moeda) para Caronte, o barqueiro do Rio Estiges, para que ele as conduzis…