Pular para o conteúdo principal

Caxiense Blog

Dia desses fui pegar um ônibus em Caxias.... tá, Caxias é uma cidade vizinha ao Rio, e eu moro perto de lá. Não peçam muitas explicações sobre Caxias, não há o que explicar. Mas fui pegar um ônibus em Caxias e perto do ponto do ônibus tinha uma lojinha evangélica, coisa comum em Caxias, e reparei na parte infantil da vitrine da loja. Uma coisa definitivamente me chamou a atenção: Bonecos similares aos "Comandos em ação" mas trajados com roupas bem antigas e com equipamentos no estilo cajado, carneirinho, tábua dos mandamentos e por ae vai. O nome dos bonecos: Heróis da bíblia! É, ao invés de brincar com o He-man, Comandos em ação ou Falcon (tá, nem sei se ainda existem) a criança filha de pais bitolados pode se divertir com as incriveis aventuras de Moisés!

Comentários

  1. Imagina a mãe surtada falando:
    "menino, larga esse Moisés e vem almoçar"

    ResponderExcluir
  2. Anônimo10:19 AM

    A vida fora da igreja atrai mais as crianças, por isso tentam copiar o mundo fora, lógico, alterando "detalhes"...

    (opinião de quem foi adventista por 8 anos)

    ResponderExcluir
  3. Só compro se vier com uma miniatura do mar vermelho que se divide!
    =P

    ResponderExcluir
  4. Cíntia Miyuki8:58 AM

    O que o capitalismo faz com as pessoas...
    E eu pensando que bonecos biblicos se restringiam ao presépio de natal...

    ResponderExcluir
  5. Fala sério! A bíblia ta cheia de personagens mto loucos! Tem soldados romanos, a serpente, o dragão de 7 cabeças e 10 chifres, o demo (capeta, beluzebu, coisa ruim, mardito), o jesus nervoso que detona as barraquinha do templo, muito foda!

    ResponderExcluir
  6. Realmente a mercantilização da fé é a tônica dessas seitas "caça-níquel" que proliferam como verdadeiras pragas. O desespero e a falta de perspectivas de futuro nesse nosso país, fazem as pessoas apelarem a Deus. Mas, elas acabam é caindo nas mãos de charlatães, picaretas e escroques; que querem só abastecer ou comprar seu carrão de luxo.

    ResponderExcluir
  7. é... a coisa tá fikando séria, será ke algum dia essas crianças vão saber ke existe vida além da igreja e biblia?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Coisificado blog

Sabe como é ter realização profissional? Eu não.
Há um certo tempo venho notando que deixei de ser uma pessoa, o Alexandre Santana, e virei o "rapaz do ponto". Sim, eu cuido da frequência no porto do Rio, em especial da Guarda Portuária. É um trabalho. É digno. É honesto. Mas deixei de ser uma pessoa e me tornei um relógio de ponto. Fui coisificado.
Sim. Na maioria dos dias eu mal chego (07:00) e não ouço bom dia e sim um "Ei, o relógio está com defeito!" ou um "Oi, estou com um probleminha aqui no ponto..." e o pior de todos "Olha, vocês me deram falta aqui (sim, eu fui na frequência de um fdp aleatório e taquei falta, claro...)". 
Eu imagino que na maioria dos empregos realmente seja assim e que eu esteja reclamando de barriga cheia. Pode ser. O problema é que não estou lidando com clientes, e sim com pessoas que trabalham na mesma empresa que eu. Com a grande diferença que estou EFETIVAMENTE trabalhando, diferente da grande maioria.
Foda-se, …

Limítrofe Blog.

Você acorda cedo.

Você acorda cedo e sai de casa cedo.

Você acorda cedo e sai de casa cedo pois pega dois ônibus para ir pro trabalho.

Você acorda cedo e sai de casa cedo pois pega dois ônibus para ir pro trabalho pois quer ir em relativo silêncio.

Você acorda cedo e sai de casa cedo pois pega dois ônibus para ir pro trabalho pois quer ir em relativo silêncio visto que no trem, onde você levaria somente meia hora para chegar ao trabalho, o silêncio é algo que não existe.

Você acorda cedo e sai de casa cedo pois pega dois ônibus para ir pro trabalho pois quer ir em relativo silêncio visto que no trem, onde você levaria somente meia hora para chegar ao trabalho, o silêncio é algo que não existe e você quer um pouco de silêncio em sua vida pois no seu trabalho o telefone toca o tempo todo e em casa você tem vizinhos ouvindo música alta o tempo todo e na frente de casa tem uma porra de um lanterneiro.

E todo o dia a mesma coisa. E todo dia é o Dia da Marmota.

Você já nem aguenta mais ouvir seu n…

Suicida blog

Quero morrer.

Não literalmente. Essa eu aguardo sem muita pressa, mas já sabendo que é inevitável.

É mais uma espécie de "morte figurada", por assim dizer. Aos poucos eu venho matando o Alexandre que foi construído ao longo dos anos e que meio que estacionou. Esse Alexandre já não tem mais muito espaço, esse Alexandre só faz merda e só se afunda.

Esse Alexandre trocou sonhos por segurança. Não que segurança seja ruim, pelo contrário, mas esse Alexandre se acomodou. Muito. Esse Alexandre virou uma pífia sombra daquele Alexandre cheio de sonhos, esperanças e "sangue nos olhos". Sei que aquele Alexandre não volta, ou pode voltar cheio de cicatrizes, mas ESSE Alexandre de hoje em dia precisa morrer.